O PROJETO CINEBANDA

CineBanda é um projeto de programação cultural em rede promovido pelos municípios de Leiria, Peniche, Pombal e Torres Novas. Visa incrementar a coesão territorial, valorizar as dinâmicas culturais e turísticas, bem como divulgar os patrimónios locais.

CineBanda é um programa cultural em rede entre os municípios de Leiria, Pombal, Torres Novas e Peniche e foi desenhado como um forte contributo para a prossecução dos objetivos anteriormente referidos, porquanto irá valorizar o seu património natural e cultural, aumentando não apenas o número de visitantes, como o de turistas que neles poderão prolongar a sua estadia..

Quando as imagens se sucedem na tela e a música as completa, temos um espetáculo que é também um concerto de filmes.

Assim era há cem anos, antes do “sonoro”, assim se pretende que volte a ser, através desta experiência sociocultural inspirada em tempos idos mas renovada, moderna. Enquadrado em espaços públicos de elevado interesse, potenciando o seu valor, CineBanda é um projecto cultural inclusivo, intergeracional e divertido. CineBanda promove a relação cognitiva da música e das imagens numa experiência comunitária, educativa, para o público e para os músicos, contribuindo para a retoma da confiança da vida social. As suas residências artísticas permitem aos jovens músicos locais um contacto próximo de aprendizagem directa com músicos profissionais, na preparação e apresentação de cada espetáculo. A recuperação de acervos cinematográficos digitalizados tanto recupera a memória colectiva como representa um desafio a jovens compositores na criação de música original para a “CineBanda”. A inter-municipalidade de CineBanda permite uma vasta abrangência de público enquanto marca cultural identitária e atractiva para o território.

Se uma imagem “vale mil palavras”, as imagens que o público verá valerão ainda mais pela música que as vestirá, nestes concertos de imagens ou de imagens em concerto.

O projeto CineBanda insere-se nos objectivos estratégicos dos municípios de Leiria, Peniche, Pombal e Torres Novas, concretamente na valorização da dinâmica cultural e turística, com o intuito de produção de conhecimento sobre o território, divulgação do património local e participação comunitária na criação cultural e artística.

O CineBanda integra a vertente patrimonial, artística e cultural num projeto de criação conjunta que possibilitará aos músicos locais tomar contacto com outras formas de trabalhar e com outras realidades artísticas e associativas. A apresentação pública de filmes históricos em locais reconhecidos pelo seu impacto patrimonial cumpre os objectivos de divulgação patrimonial. A possibilidade da criação de repositórios locais do património fílmico nacional é muito relevante como testemunho da história recente. Este projeto fomenta o levantamento e identificação de filmes históricos de natureza documental ou do domínio da ficção, que versem as realidades dos diversos municípios, existentes nos arquivos da Cinemateca Nacional e da RTP e em colecções privadas e traduz-se num legado que poderá ser exibido e/ou trabalhado em projectos de media arte.

Num território fortemente marcado pelas bandas filarmónicas centenárias, de onde saíram grandes nomes para o actual panorama musical nacional, CineBanda alia a tradição secular da música de sopros aos registos cinematográficos e apresenta-os em locais icónicos deste território.

Neste projecto, criamos cenários cinematográficos imersivos onde o património cultural – natural, material, musical – é revisitado em espectáculos multisensoriais. Partindo do património classificado (castelos, fortalezas, património natural e arqueológico) e da memória cinéfila destes municípios, a um grupo de 12 músicos profissionais (banda-mãe) juntar-se-ão 12 músicos amadores de cada um destes municípios para interpretarem as criações de 8 compositores convidados. Desta mescla, resultará um Festival de filmes-concertos com bandas sonoras originais para películas/filmes antigos, procurando o foco nas linguagens contemporâneas. Em cada Município, será realizada uma Residência Artística onde músicos profissionais e músicos amadores trabalharão os reportórios selecionados. Estas residências artísticas serão abertas à comunidade.